13.11.07

A kick in the balls

6 comentários:

RadaR disse...

Estreia na quinta não é?

WallBanger disse...

É capaz disso...a ante-estreia foi este fim de semana.

fabricia disse...

«Control» Anton Corbijn 2007 foi uma óptima surpresa! Tal como ele anunciou, é muito mais que um filme sobre música. É todo um conflito entre a vida artística e a vida pessoal. Entre as fabulosas pisadas de Ian Curtis nos Joy Divison e o seu mundo interior existiu toda uma linha de zig-zags cinzentos. Ver isto tem tanto de bom como de doloroso. Este fotografo soube muito bem retratar a sua luz artistica e o negro da sua vida pessoal ( o actor que faz de Ian tb) e faz todo o sentido que esta longa metragem seja apresentada a preto e branco. E mesmo Corbjin não tendo gostado muito desta minha opinião, repito que cada fram é uma fantástica fotografia, de planos e luzes estudados à exaustão e, perante isto, para quem gosta de olhar para uma tela e ver muito mais que o enredo, desejo que muitos fotógrafos se aventurem no cinema. Se a isso associarem paixão por musica, junção perfeita.

WallBanger disse...

Well done!

WallBanger disse...

Por outro lado: convencida da merda, escreves isto tudo só para dizer que falaste com o Corbijn!! =P

fabricia disse...

Oh nao Marinho tu é q normalmente és dessa onda eu nao! eheheh