14.11.07

Sketches for...

Perdi a conta às tentativas que tenho feito de escrever o que quer que seja. Recorro a um copy-paste rápido e indolor para me tentar fazer entender. Aparentemente é mais fácil um gajo apropriar-se do que já foi feito por outros, e há tantos "outros" no Mundo que parece que estão a falar por/para/sobre mim...não resolvem nada, mas oferecem um pouco de consolo.

Hoje em dia penso demasiado em tudo. Por não me conseguir concentrar em mais nada.

O Mundo está cheio de gente que sabe mais do que eu. Por isso mesmo é que eu não ligo ao que me dizem, devem ter aprendido todos pela mesma cartilha.

Hoje fui um menino bonito. Só olhei para o telemóvel 371 vezes.

No preciso momento em que escrevi a última frase, estava no ecrã do telemóvel o que eu queria.

372, portanto.

Esta noite reencontrei uns quantos velhos amigos numa tela. E uns quantos sonhos também.

Parece que toda a gente à minha volta chorou algures no último fim-de-semana. Tirando isso, todos os fins-de-semana da minha vida deviam ser assim, com ligeiros ajustes.

Daqui a meia dúzia de horas acaba-se a minha semana "home alone" e não comprei a merda das sopas instantâneas Bachelor's.

À pergunta "já fizeste uma overdose?", a resposta correcta e censurada mentalmente na altura é "Sim. Foi fantástico. Foi quando percebi que estava viciado. Em ti."

Rehab is for quitters. Seja qual for o vício.

384.

3 comentários:

Trindade disse...

sim, rehab é mesmo para quitters... bom post, sim senhor

mmmim disse...

«Parece que toda a gente à minha volta chorou algures no último fim-de-semana.»

Exacto...

fab disse...

sao é tds uns pieguinhas da merda lol